31 de março de 2017

Atividade física para idosos

Muitos idosos me perguntam qual é a atividade ideal para se fazer na terceira idade. Acontece que não existe uma regra.
A atividade ideal – como em qualquer idade – vai depender das condições do aluno, bem como suas limitações e necessidades.
Entretanto, costumo enfatizar a importância de se fazer o que se gosta. E nem sempre o ideal vai se encontrar com o mais prazeroso.

Qual atividade fazer?

A hidroginástica é a atividade vista – em um senso comum – como a mais segura para pessoas com mais de 60 anos. Isso porque, por ser na água, ela reduz o impacto, além de trabalhar condicionamento cardiorrespiratório e fortalecimento muscular ao mesmo tempo, resultantes da resistência que o meio aquático proporciona.

A caminhada é uma excelente opção para aqueles mais independentes e auto didatas. Pois você pode simplesmente ir ao parque caminhar três vezes por semana por uma hora e isso já te trará inúmeros benefícios! Entretanto, ela se resume em uma melhora no condicionamento cardiorrespiratório, então o ideal seria complementá-la com alguma atividade de fortalecimento como Pilates ou Musculação.

O Pilates vem sendo bastante indicado por médicos à população idosa. Isso porque trata-se de uma técnica muito eficiente para fortalecimento e alongamento muscular, enfatizando a importância da respiração e alinhamento postural. Tanto o Pilates solo quanto o Pilates de aparelhos são boas opções, desde que orientados com muita atenção e cuidados, especialmente quando se trata do público idoso.

A musculação é a forma mais tradicional de fortalecer a musculatura, entretanto muitas pessoas acham “chato”. Além disso, não se deve realizar exercícios com carga (aparelhos de musculação) sem a orientação de um professor de Educação Física, pois existe uma grande chance de se machucar, caso a execução do movimento não esteja correta ou a carga muito elevada.

A ginástica funcional consiste em exercícios que se assemelham à atividades que precisamos realizar no nosso dia a dia, como subir escadas e alcançar um objeto em uma prateleira alta. Normalmente é feita com uma mistura de exercícios e materiais livres (bolas, elásticos, halteres e caneleiras), caracterizando-se como uma atividade mais dinâmica sem deixar de respeitar as limitações do corpo do idoso.

Recomendação da OMS
A Organização Mundial da Saúde recomenda pelo menos 150 minutos de intensidade moderada de atividade física aeróbica por semana ou 75 minutos de intensidade vigorosa de atividade física aeróbica, ou ainda, uma combinação equivalente de atividade moderada e vigorosa de intensidade. Essa quantidade de atividade aeróbia pode ser dividida em blocos de 10 minutos;

Para maiores benefícios a saúde, o idoso deverá dobrar a duração da orientação acima;

Aqueles com dificuldade de mobilidade devem realizar exercícios de equilíbrio em 3 ou mais dias por semana;

Exercícios de resistência e força muscular, envolvendo grandes grupos musculares, devem ser realizados 2 ou mais dias por semana;

Quando o idoso não puder realizar as quantidades recomendadas devido às condições de saúde, ele deverá ser tão fisicamente ativo quanto as suas capacidades e as condições o permitam.

Essa última “recomendação” é a que acredito ser a mais importante. Isso porque a grande maioria dos idosos possui uma “condição especial de saúde” portanto, ele deverá realizar aquilo que lhe faça bem. Para isso, ele deverá buscar a orientação de um profissional de Educação Física, no caso de estar buscando algo como prevenção e melhora de seu condicionamento, e um fisioterapeuta, caso precise de tratamento ou recuperação de alguma lesão ou doença.

Texto escrito por Alessandra Nunes Lanzoni Privado, professora de Educação Física formada pela UFPR e sócia proprietária da Vivere Bene – atividades para maiores de 60 anos.

Veja outros posts

23 de setembro de 2014

Por uma família vintage

Por muito tempo utilizei a frase “no meu tempo”. Ela me faz sentir mais velho, pode ser antiga, mas diante das minhas reflexões não são em nada antiquadas. Lembro do …

13 de julho de 2017

Saúde Auditiva

A audição é essencial em nossas vidas, desempenhando um papel fundamental na comunicação humana. É através dela que conseguimos perceber os sons do ambiente e os sons da fala. O …

11 de outubro de 2013

Cientistas realizam tratamento que pode combater Alzheimer e Parkinson.

Confira a matéria do Jornal das Dez pelo site da Globo. Acesse o seguinte link para maiores informações: http://globotv.globo.com/globonews/jornal-das-dez/v/cientistas-realizam-tratamento-que-pode-combater-alzheimer-e-parkinson/2881176/