19 de fevereiro de 2015

Depois do Carnaval

Na virada do ano é comum tomarmos aquela ou aquelas resoluções que vão tornar nossa vida muito melhor.

Parece que enchemos nosso íntimo de força, coragem e determinação inabaláveis, pois temos a certeza que, se cumprirmos estas novas metas estabelecidas, nossa vida será realmente muito melhor.
Mas aí surgem alguns empecilhos como, aproveitar as férias, descansar do ano tão puxado e outras desculpas por aí afora.
Finalmente empurramos nossa determinação para depois do carnaval.
Afinal, o ano começa só depois do carnaval!

Começar uma dieta, praticar atividade física regularmente, trabalhar menos, ter mais tempo para a família, ler ou viajar mais, ajudar uma comunidade carente são alguns dos exemplos mais comuns de “resoluções” que não são postas em prática!

Muitas vezes adiamos tanto este novo começo que quando percebemos o ano já está acabando novamente…

Com o idoso não é diferente.

Ele encontra mil motivos para não sair da rotina, mesmo quando há indicação dos médicos e a insistência dos familiares para que comece uma atividade, que só lhe trará benefícios físicos, mentais e emocionais.

Entre as principais desculpas dos idosos estão:

– Não querer incomodar os filhos;

– Não ter como ir, pois taxi é muito caro e ônibus, muito inseguro;

– Não ter tempo (sim, acredite… eles se ocupam bastante com uma atividade diária, como limpar a casa);

– Não ter disposição, sendo que muitas vezes as dores e a indisposição são decorrentes de muito tempo sentado sem fazer nada em casa;

– Ter vergonha, por achar que não é mais capaz de executar nenhuma atividade mais “complexa”.

Para espantar essas desculpas “esfarrapadas” dos idosos, vamos relatar aqui alguns excelentes motivos para ele iniciar uma nova atividade:

– Conhecer e se relacionar com pessoas de sua idade traz grandes benefícios para auto estima do idoso. O sentimento de pertencer a um grupo é muito importante para ele.

– A atividade física traz benefícios incalculáveis, melhorando equilíbrio, força, flexibilidade e auto-estima.

– O fato de ter um compromisso, com horário marcado, uma ou duas vezes na semana, pode transformar seu dia, se tornando em um momento esperado e preenchendo o vazio do dia.

– Ter o objetivo de realizar uma tarefa para melhorar a memória, a resistência física, a criatividade, ou a auto estima seja pintando, escrevendo um texto, compartilhando suas idéias, dançando, cantando, tocando, é maravilhoso em qualquer idade.

Portanto, não vamos deixar o ano acabar e a vida passar.
Que tal iniciar agora uma nova atividade?

Veja outros posts

6 de abril de 2016

Diabetes: diagnóstico, sintomas e tratamento

A Diabetes é, por definição, uma doença crônica que ocorre quando o pâncreas não produz insulina suficiente ou quando o corpo não utiliza eficazmente a insulina que é produzida pelo …

18 de dezembro de 2014

A chave da virada

Estabelecendo paradigmas Há quem diga que para tudo na vida, existe um começo, meio e fim. É certo que durante nosso existir nos deparamos com algumas etapas inevitáveis. Nascemos, aprendemos …

5 de outubro de 2016

A minha história com idosos

Eu não conheci os meus avôs. Minhas avós morreram enquanto eu ainda era nova, então não tive a oportunidade de conviver com um idoso no meu “dia a dia”. Mas …