20 de junho de 2017

Fortalecimento muscular para idosos

Manter a musculatura fortalecida durante o processo de envelhecimento do nosso corpo é muito mais importante do que imaginamos!
Nossa cadeia muscular é responsável por manter nosso equilíbrio e proteger nossos ossos e articulações, garantindo assim os movimentos que realizamos no nosso dia a dia!
Por isso, vamos tirar algumas das principais dúvidas que os idosos têm na hora de escolher qual atividade e como fazer para atingir o fortalecimento da musculatura.

Quais grupos musculares eu devo fortalecer?
Sempre é importante pensarmos no corpo como um todo, portanto, devemos realizar exercícios que desenvolvam toda a nossa musculatura. Entretanto, a medida que envelhecemos, surgem algumas prioridades, tais como:

Panturrilha – ela é considerada, por vários especialistas, o nosso “segundo coração”, pois é responsável por bombear too o sangue da área periférica dos membros inferiores de volta para o coração, por isso é muito importante mantê-la sempre ativa!

Coxa, glúteos e região – a musculatura dos membros inferiores em geral são de suma importância para manter protegidas as nossas articulações de joelho e quadril, tão exigidas diariamente e tão desgastadas no decorrer dos anos.

Abdomem e Lombar: a região abdominal e lombar são responsáveis por manter nossa postura ereta. Como, com o passar dos anos, vamos mudando nosso centro de gravidade, é importante mantermos essas musculaturas em dia para evitarmos ao máximo a perda de equilíbrio, tão temida e, porque não dizer também tão perigosa, na terceira idade.

Qual a melhor atividade para fortalecer os músculos?
Esqueça aquele ideia de que só a musculação convencional, com aparelhos de academia, promovem o fortalecimento das fibras musculares. Diversas técnicas alternativas de fortalecimento já foram desenvolvidas e comprovadas de sua eficiência. Dentre as mais conhecidas estão o Pilates e a Ginástica Funcional, entenda um pouco mais sobre eles:

Pilates: é uma técnica amplamente reconhecida atualmente. Por se tratar de uma atividade sem impacto, é indicada para diversos casos especiais, como na prevenção e tratamento de problemas na coluna. Este método ajuda muito a aliviar dores, pois exige controle da respiração e alinhamento da postura, trabalhando fortalecimento e alongamento dos músculos do abdomem e das costas, bem como de membros inferiores e superiores.

Ginástica Funcional: é um tipo de atividade física realizada sem aparelhos convencionais de academia, que utiliza como carga principal, o próprio peso corporal. Ela aproveita as “funções” do nosso corpo – tais como equilíbrio, força, flexibilidade, coordenação, agilidade – que normalmente são utilizadas em nosso dia a dia, as tornando mais eficientes e, consequentemente, melhorando nosso condicionamento físico geral.

Com que frequência devo me exercitar?
A recomendação da OMS (Organização Mundial de Saúde) de atividades de fortalecimento muscular – vide musculação – para pessoas com mais de 60 anos, é de 2 ou mais vezes por semana.
É sempre importante manter um intervalo de, ao menos, 48h para a recuperação da musculatura, que pode ser alternado com atividades aeróbicas, como caminhada, dança ou hidroginástica.

É importante ressaltar que gostar da atividade e sentir prazer em realizá-la irá contribuir para um rotina mais disciplinada da prática de atividade física. Então, busque algo que te dê prazer e em que você se sinta bem (:

Texto escrito por Alessandra Nunes Lanzoni Privado, professora de Educação Física e sócia-proprietária da Vivere Bene – atividades para maiores de 60 anos, e atua com idosos desde 2004.

Veja outros posts

15 de maio de 2018

A mudança de rotina para o idoso

Quem tem um idoso na família sabe que, normalmente, eles são teimosos por natureza… pelo menos essa é a fama que eles criaram… A verdade é que todos nós vamos …

20 de janeiro de 2015

Caminhada no Parque

A caminhada é uma das atividades físicas mais praticadas em todo o mundo. Um dos motivos dessa “preferência” pode ser considerado o fato de se tratar de uma atividade essencial …

5 de novembro de 2014

Dívida e o idoso

Hoje a oferta de crédito para o idoso é um tema em alta na grande mídia. Todos os dias há uma enxurrada de anúncios em jornais, revistas e na televisão. …