8 de outubro de 2014

DEPRESSÃO NA TERCEIRA IDADE: COMO FUGIR?

A depressão é um quadro comum na terceira idade, principalmente entre as mulheres. Muitos fatores contribuem para que o idoso seja suscetível a desenvolver um quadro depressivo. Dentre eles, as mudanças sociais, físicas e psíquicas decorrentes do envelhecimento.

A aposentadoria, o casamento dos filhos, a perda de cônjuges e familiares próximos, os problemas de saúde, bem como o isolamento social podem impactar de forma negativa e desencadear o aparecimento de uma depressão. Lidar com essas questões exige constante adaptação e resiliência do idoso.

Mas, será que existe uma receita para fugir da depressão?

Na verdade não, porque depende muito da personalidade da pessoa e do modo como ela lida com suas dificuldades.

No entanto, sabemos que:

  • –  Manter-se ativo socialmente, conversar sobre os problemas com amigos faz com que a pessoa se sinta mais leve.
  • –  Fazer atividade física regularmente libera serotonina no cérebro, e essa substância é responsável pelo bem estar.
  • –  Ter uma ocupação como: auxiliar familiares, fazer trabalho voluntário ou cuidar dos netos proporciona bem estar e evita pensamentos disfuncionais.
  • –  Manter hobbies, isto é, engajar-se em atividades prazerosas mantém a motivação e auxilia no bem estar psicológico.

Independente da atividade, manter o contato social, as atividades de lazer e acima de tudo manter a resiliência, que é a capacidade de passar por uma dificuldade e fazer o possível para sair dela e retornar ao ponto de equilíbrio, aprendendo com aquela vivência.

Assim como um famoso bambu japonês que, ao passar por uma forte tempestade, enverga-se para, posteriormente, com o fim do mau tempo, retornar a sua posição original. Aprendendo sempre com o que vivenciamos.

Tatiane Alaminos Encinas
CRP 08/20215

Veja outros posts

7 de setembro de 2014

Independência ou Morte

A Independência do Brasil representa o processo de emancipação política do Brasil em relação a Portugal. Foi um momento importante da história do país. Uma grande conquista. No ciclo da …

4 de maio de 2016

A melhor mãe do mundo

Quando eu era criança eu costumava dizer que eu tinha a melhor mãe do mundo, ou ainda, a melhor mãe do universo e da Via Láctea… Um certo dia, um …

16 de novembro de 2017

O amor nos tempos da velhice

É com grande satisfação que disponibilizamos a você um trechinho do capítulo do livro “Amor, desejo e gozo” – “O amor nos tempos da velhice”, escrito pela psicóloga Dra. Regina …